Cotidiano

Policiais são feitos de refém por índios em fazenda ocupada, diz PF

13 fazendas da região estão ocupadas

Midiamax Publicado em 28/11/2017, às 20h53

None

13 fazendas da região estão ocupadas

Dois policiais federais que cumpriam diligências em uma área ocupada por indígenas, no município de Miranda – a 207 quilômetros de Campo Grande -, foram mantidos reféns, informou a instituição na tarde desta terça-feira (28).

Em nota, a Polícia Federal informou que Equipes da PF de Corumbá e de Campo Grande estão se deslocando até a área para apurar os fatos. 

As informações recebidas até o momento indicam os policiais que participavam da diligência foram liberados e aguardam a chegada dos demais policiais federais no local.

A região do Pantanal em Mato Grosso do Sul apresenta 13 fazendas ocupadas por índios kadiwéu, uma delas é a Baía da Bugra, com aproximadamente 130 indígenas. A disputa pelas terras nessa região – que compreende Corumbá, Miranda e Bodoquena -, começou em 1984 para a demarcação de 145 mil hectares de terra. 

Jornal Midiamax