Cotidiano

Na busca por emprego formal, garçom pede ajuda a clientes em feira

A publicação teve mais de mil curtidas

Raiane Carneiro Publicado em 05/07/2017, às 21h56

None

A publicação teve mais de mil curtidas

Em uma feira da Capital, um garçom faz um pedido inusitado aos clientes que chegam: um emprego formal. A história foi parar nas redes sociais e a publicação tem mais de mil curtidas.

Roberto Carlos Benites, 29 anos, está desempregado há dois anos e há um mês, cuida sozinho do filho. “Minha mulher foi embora e eu tenho um filho pequeno, de 9 meses, e eu preciso muito do serviço e de alguma doação”, disse Roberto.

O trabalho que tem é o ‘bico’ de garçom e atendente na feira da Capital, onde trabalha diariamente. Depois da postagem feita na última terça-feira (4), em um grupo de uma rede social de Campo Grande, o garçom contou que chegou a receber ligações oferecendo emprego, mas não conseguiu a vaga devido ao estudo. “Eu faço qualquer serviço, mas eu não tenho estudo, parei no nono [ano]”, contou Roberto.

Jornal Midiamax