Cotidiano

JBS diz que não foi notificada sobre inquérito de vazamentos de amônia

Ocorridos nos dias 6 e 7 de abril 

Diego Alves Publicado em 20/06/2017, às 21h44

None

Ocorridos nos dias 6 e 7 de abril 

Em nota, a empresa JBS informou que ainda não foi notificada pelo Ministério Público Estadual a respeito da abertura de um inquérito civil a respeito de vazamentos de amônia ocorridos nos dias 6 e 7 de abril deste ano. JBS diz que não foi notificada sobre inquérito de vazamentos de amônia

A empresa também informou que “reitera o seu compromisso com a segurança dos colaboradores, comunidade e meio ambiente e reforça que realiza, constantemente, investimentos e melhorias nos processos administrativos”.

O inquérito civil foi instaurado pela 26ª Promotoria de Justiça do Meio Ambiente, Patrimônio Histórico e Cultura da comarca da Capital e divulgado nesta terça-feira (20) no diário oficial do órgão.

A sede, que fica na BR-060, saída para Sidrolândia, também registou outro vazamento 55 dias após os de abril. O inquérito vai apurar se o local cumpre a legislação ambiental. A promotora responsável pela investigação é Luz Marina Borges Maciel Pinheiro.

Vazamentos

No dia 6 de abril, 80 funcionários passaram mal e a indústria ficou parada por um dia. Funcionários do frigorífico teriam acionado o Corpo de Bombeiros 55 dias após o primeiro episódio afirmando ter um vazamento de amônia nas instalações da empresa, na saída para Sidrolândia.

O vazamento teria acontecido depois da manutenção em uma das câmaras frigoríficas da empresa, que foi controlada pelos próprios funcionários. Os militares do Corpo de Bombeiros foram até o local para realizar a vistoria nas instalações.

Jornal Midiamax