Cotidiano

Índios vão escolher coordenadodor da área na prefeitura da Capital

Líderes das cinco aldeias vão definir nome 

Clayton Neves Publicado em 30/01/2017, às 19h09

None
16425457_1809713755945984_1620602065_n.jpg

Líderes das cinco aldeias vão definir nome 

Nesta terça-feira (31) deve ser escolhido o nome do representante indígena que vai assumir a Coordenadoria para Assuntos Indígenas de Campo Grande. O coordenador será indicado por membros das cinco comunidades indígenas da Capital. A decisão foi acertada na manhã desta segunda-feira (30), durante encontro do prefeito Marquinhos Trad (PSD) com representantes das comunidades indígenas da Capital.

“O nome tem que ser alguém que tenha representatividade nas aldeias e conheça a realidade”, disse o prefeito na ocasião.

De acordo com o Cacique da Aldeia Santa Mônica, Romualdo Lopes Mamede, nesta terça-feira (31) votação na sede da Funai (Fundação Nacional do Índio), em Campo Grande, vai determinar um nome para ser nomeado no cargo. “Vamos fazer votação e vamos trazer um nome que de fato nos representa”, disse.

O nome será entregue ao prefeito em um documento assinado pelos caciques das cinco aldeias urbanas.

Em relação às reivindicações do grupo, o cacique da Vila Romana, Donaldo Fernandes, pediu que área da aldeias seja regularizada. Sobre isto, Marquinhos Trad acionou o secretário da Ehma (Agência Municipal de Habitação), Eneas Jose de Carvalho, que irá receber os índios e verificar o que pode ser feito para atender a comunidade.

Jornal Midiamax