Cotidiano

Confira as manchetes desta sexta-feira dos principais jornais do país

Destaque para impasse sobre a reforma da Previdência

Richelieu Pereira Publicado em 01/12/2017, às 10h12

None

Destaque para impasse sobre a reforma da Previdência

O GLOBO

– Governo deve adiar reforma da Previdência para 2018

Distante dos 308 votos necessários para aprovar a reforma, o Palácio do Planalto não quer correr o risco de pautar a matéria e ser derrotado – o que traria impacto negativo imediato para o mercado, além de contaminar a aprovação de medidas de ajuste fiscal importantes para 2018, faltando apenas três semanas para encerrar o ano legislativo.

– Na Rocinha, um “delivery” de drogas

A Polícia Civil do Rio de Janeiro desarticulou uma quadrilha que vendia drogas e fazia entregas em domícílio. Seis pessoas foram presas e outras quatro ainda são procuradas. O grupo comprava skank, cocaína e maconha na Favela da Rocinha e revendia o material a partir de encomendas recebidas por telefone.

– Assaltos esvaziam Santa Teresa

Em 21 dias, o bairro carioca de Santa Teresa registrou sete arrastões em bares e restaurantes, o que vem esvaziando a vida noturna no local. Em seis anos, o número de registros de roubos de rua subiu 174%. Passaram de 172 casos, entre janeiro e outubro de 2012, para 472, no mesmo período de 2017.

FOLHA DE S.PAULO

– Governo não tem votos para nova Previdência

O governo não tem os 308 votos favoráveis necessários para aprovar a reforma da Previdência, uma das principais bandeiras da gestão de Michel Temer. O texto deve ir à votação na Câmara em primeiro turno na próxima quarta-feira (6).

– Infraero desiste de investir no Galeão e torna negócio incerto

O Conselho de Administração da Infraero decidiu que não fará um investimento de R$ 1,5 bilhão previsto na concessionária responsável pelo aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro. Sem o aporte, o grupo chinês que substituiria a Odebrecht no negócio pode desistir dele.

– Quase todas as vagas criadas no país são informais

Quase 100% das vagas geradas no setor privado neste ano foram informais, segundo análise do IBGE baseada nos dados extraídos da pesquisa Pnad Contínua, divulgada nesta quinta-feira (30) pelo instituto. Os cálculos demonstram a tendência de informalidade verificada na geração de emprego recente no país.

O ESTADO DE S.PAULO

– Em cada ano, secas e inundações afetam 55 milhões de brasileiros

Estiagens, secas, enxurradas, inundações, fenômenos naturais que sempre marcaram diferentes regiões do país nunca expuseram cenários tão extremos como os ocorridos nos últimos anos. Entre 2013 e o ano passado, os desastres naturais afetaram 55,7 milhões de pessoas – mais de 25% da população nacional. No total, as perdas são R$ 9 bilhões por ano.

– Otimismo com a economia tem pior índice, diz Ibope

O otimismo dos brasileiros em relação ao desempenho da economia teve uma queda significativa e chegou em novembro ao patamar mais baixo dos últimos oito anos, segundo série histórica de pesquisas Ibope. Apenas 21% preveem mais prosperidade no próximo ano – metade do porcentual obtido no levantamento anterior, feito no final de 2016.

– Maia não vê condições para votação, agora, da Previdência

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), não quis definir nesta quinta-feira (30) uma data para pautar o projeto de reforma da Previdência para votação na Casa. Segundo Maia, ainda não há votos para aprovar a proposta.

Jornal Midiamax