Cotidiano

Comercial atrasa salário de jogadores há 19 dias e pode perder pontos na série D

Time diz que ainda carrega pendências da última diretoria

Midiamax Publicado em 29/06/2017, às 21h50

None

Time diz que ainda carrega pendências da última diretoria

Único clube sul-mato-grossense a ser classificado para a série D do Brasileirão, o Esporte Clube Comercial deve aos jogadores o primeiro salário após ser classificado para a série. Neste mês já são 19 dias de atraso. Conforme regulamento da Confederação Brasileira de Futebol, caso esse atraso ultrapasse 30 dias, o time pode perder pontos.

Um dos jogadores, que preferiu não ser identificado, afirmou que “faz duas semanas que ficam falando que vão pagar até tal dia, e esse dia nunca chega”. Ele explicou que está com as contas atrasadas e que a família passa dificuldades.

O que diz o regulamento

O artigo 22 do ‘Regulamento Específico da Competição Campeonato Brasileiro da Série D 2017’ afirma que “o clube que, por período igual ou superior a 30 (trinta) dias, estiver em atraso com o pagamento de remuneração, devida única e exclusivamente durante a competição, conforme pactuado em Contrato Especial de Trabalho Desportivo, a atleta profissional registrado, ficará sujeito à perda de 03 (três) pontos por partida a ser disputada, depois de reconhecida a mora e o inadimplemento por decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD)”.

A assessoria de imprensa do Comercial explicou que “só há uma folha de pagamento atrasada, que venceu no dia 10 de junho, o que são 19 dias apenas de atraso, mas o clube está tomando todas atitudes para regularizar a situação”. “No mais o time está focado e se preparando para segunda fase do campeonato brasileiro da série D”, comentou.

Representante de 2 jogadores, que preferiu não revelar a identidade afirma, ainda assim, que os dois carregam atrasos referentes à 2016. Diretor jurídico do clube, Reinaldo Leão Magalhães afirma que esses atrasos “são pendências da última diretoria”.

“A diretoria anterior de fato tem algumas pendências, mas essa diretoria atual não vai medir esforços para pagar esses dois jogadores. Todo compromisso que o comercial assumiu será honrado em um curto espaço de tempo”, declarou.

Sobre o risco de perder pontos, o diretor afirmou “que não tem chance de ocorrer e o pagamento será realizado nos próximos dias”. Ele afirma que o atraso de 19 dias no pagamento dos jogadores ocorre por um “atraso repasse dos investidores”.

Jornal Midiamax