Cotidiano

Com fornecimento de água avermelhada, concessionária é acionada pelo MPE

A sugestão foi acatada pela empresa

Diego Alves Publicado em 06/04/2017, às 22h28

None
site_ouvidor_9123_nde4oda2nzi0oteym291dg.jpg

A sugestão foi acatada pela empresa

Com o fornecimento de água avermelhada em Jardim, cidade a 237 quilômetros de Campo Grande, o MPE-MS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do sul) aconselhou que a Sanesul adote soluções para resolver o problema no abastecimento. 

De acordo com o MPE, a 1ª Promotoria de Justiça de Jardim recebeu inúmeras denúncias de que a água fornecida estava barrenta, imprópria até mesmo para lavar roupas, tal como consta no Inquérito Civil n. 08/2015 para apurar os fatos.

O Ministério Público então expediu recomendação administrativa para que a empresa adotasse soluções concretas para cessar as irregularidades no fornecimento de água para a população.

Ainda segundo o MPE, a sugestão foi acatada pelo diretor-presidente da Sanesul. Conforme o processo administrativo n. 00.929/2015-00 GEPRO/SANESUL (Contrato n. 015/2016, Concorrência n. 009/2015), já está sendo instalada nova estação de tratamento para o sistema de água da cidade, orçada em R$ 1.538.000,00 com previsão de término para outubro de 2017.

O Promotor de Justiça Allan Carlos Cobacho do Prado ressaltou que a nova estação de tratamento irá beneficiar toda zona urbana da cidade de Jardim, num total de aproximadamente 9.000 ligações e população de 22.741 habitantes.

Jornal Midiamax