Cotidiano

OAB/MS marca presença na comemoração dos 50 anos do Curso de Direito da UCDB

Foram homenageadas 50 personalidades

Diego Alves Publicado em 12/08/2016, às 01h50

None
_mg_0675.jpg

Foram homenageadas 50 personalidades

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Mato Grosso do Sul (OAB/MS), Mansour Karmouche, participou na manhã desta quinta-feira (11) da comemoração de 50 anos do Curso de Direito da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB). Na ocasião, foram homenageadas 50 personalidades, incluindo egressos, professores, ex-diretores e salesianos que fizeram parte da construção e consolidação da graduação nessas cinco décadas.

De acordo com a coordenadora do curso de Direito, professora Elaine Cler, a contribuição da UCDB, desde as Faculdades Unidas Católicas de Mato Grosso (FUCMT), foi fundamental na formação de desembargadores, juízes, procuradores, promotores, defensores públicos, advogados e bacharéis do estado. “A maioria dos homenageados passaram pela UCDB e atuaram também na universidade como professores. A tradição do nosso ensino caminha avançando porque unimos conhecimento e modernidade. O nosso potencial é a qualidade de professores e alunos, consequentemente, geramos ótimos profissionais para o mercado de trabalho”, afirmou a docente.

Entre as personalidades homenageadas, foram destaque os pioneiros do curso de Direito da universidade: docente da turma de 1968, professor Abrão Razuk, a aluna da primeira turma do curso de Direito, Itsume Murakami, o primeiro presidente do Daclobe (Diretório Acadêmico do Curso de Direito), Arthur Altounian. E na data em que se comemora o Dia do Advogado, também foram homenageados os ex-presidentes da OAB/MS: Elenice Pereira Carille, Carlos Alberto de Jesus Marques, Vladimir Rossi Lourenço, Geraldo Escobar Pinheiro, Leonardo Avelino Duarte e Júlio Cesar Souza Rodrigues.

O presidente da OAB/MS, Mansour Karmouche, enfatizou que a homenagem é um reconhecimento para toda a advocacia sul-mato-grossense. “O curso de Direito da UCDB é tradicional, de alto nível e a qualidade dos profissionais que tem saído da universidade se revela de excelente gabarito”. Durante a solenidade, Mansour fez a entrega de homenagens para o desembargador do TJMS, Nery Azambuja, a egressa da UCDB, Itsume Murakami e o juiz de Direito, Cesar Miozo.

O advogado Abrão Razuk, que lecionou na UCDB, em 1968, disciplinas como Direito Romano, Direito Constitucional, Direito Civil e Processual Civil, atribuiu a lembrança ao esforço dos profissionais daquela época. “É uma justa homenagem porque as pessoas escolhidas foram aquelas que colaboraram com muita devoção, com muito amor e com o espírito da formação jurídica”.

A aluna da primeira turma do curso de Direito, Itsume Murakami, de 78 anos, recordou o período em que o conhecimento jurídico não estava à disposição de todos e disse, inconformada, que ingressou na universidade sem saber o que era “nota promissória”. Anos depois, Itsume se especializou na área do Direito vindo a ocupar o cargo de diretora-geral da Secretaria do TJMS.  

Jornal Midiamax