Cotidiano

Movimento começa a aumentar e 29 mil devem passar pela rodoviária

Ônibus extras já foram reservados

Wendy Tonhati Publicado em 22/12/2016, às 18h11

None
d8a49a71-8271-48cd-ab5a-fe24e003ec02save.jpg

Ônibus extras já foram reservados

Faltando apenas três dias para o Natal, o movimento no Terminal Rodoviário de Campo Grande já pode ser considerado maior do que o usual. Na tarde desta quinta-feira (22), muita gente já se preparava para deixar a Cidade Morena e seguir, principalmente, para as cidades do interior e estados vizinhos. A expectativa da administração é de que 29 mil pessoas passem pelo terminal. 

Entre a sexta-feira (23) e o sábado (24), mais de dez mil pessoas devem deixar Campo Grande. Conforme a administração do terminal, ônibus extras já foram reservados para os locais mais procurados. Os destinos mais procurados são: Corumbá, Cuiabá, Goiânia, São Paulo e Rio de Janeiro.

Cleonice Lourenço dos Santos, 50 anos, e a filha, Quedine dos Santos, 21 anos, esperavam o ônibus para seguir até o distrito de Pana, em Nova Alvorada do Sul, a 120 quilômetros de Campo Grande. Cleonice diz que o movimento já está maior. “Sempre vou de ônibus para a casa da minha filha e não fica assim não”, afirma. 

“Vamos ficar pouco tempo lá e depois, seguiremos de carro para Presidente Prudente, onde temos família. Ficamos o ano sem vê-los e vamos passar o fim de ano”, diz Quedine. 

Severina Neves, 52 anos, esperava oi ônibus para Aquidauana. “Somos de Campo Grande e visitamos os parentes em Aquidauana”, comenta. 

Gabriel Romano, 26 anos, é estudante e vai aproveitar para visitar a avó no Mato Grosso. “É sagrado ir para a casa da família no Natal. A minha mãe vem me ver aqui, mas a minha avó, não tem como. O Natal é quando dá para ver todo mundo”. 

Cuidados

De acordo com a administração do Terminal Rodoviário as recomendações para quem vai viajar são: adquirir a passagem de forma antecipada; chegar ao terminal uma hora antes do embarque; identificar as bagagens e trazer documentos de todos os passageiros.

Para viajar, as crianças menores de doze anos, munidos de documento de identificação, podem viajar acompanhadas dos pais, responsáveis legais, irmãos com mais de 18 anos, avós ou tios de primeiro grau, caso contrário, precisam de autorização escrita, assinada pelo pai, mãe ou responsável, com firma reconhecida em cartório.

Jornal Midiamax