Empresário que perdeu R$ 41 mil em sorvetes tem ressarcimento negado

Sorveteria ficou quase 26 horas sem energia
| 22/11/2016
- 22:48
Empresário que perdeu R$ 41 mil em sorvetes tem ressarcimento negado

Sorveteria ficou quase 26 horas sem energia

O empresário Anselmo Raul Bareiro, de 55 anos, que perdeu nove freezers de picolés Delícias do Cerrado, tem vivido um dilema na busca por ressarcimento do prejuízo. Ele ficou quase 26 horas sem energia, depois que um galho caiu na rede de energia elétrica e após ligação ao Canal de Atendimento da empresa, na manhã desta terça-feira (22), o empresário foi informado de que seu pedido foi indeferido.

A interrupção do serviços em Ponta Porã, distante 346 quilômetros de Campo Grande, ocorreu das 7h, da quarta-feira (2), feriado de Finados, até às 9h30 da quinta-feira (3), quase 26 horas sem o serviço. Os sorvetes e picolés viraram 'água' e o prejuízo é estimado em mais de R$ 41 mil, segundo o dono da sorveteria.

O Canal de Atendimento, de acordo com Anselmo, não justificou o indeferimento do ressarcimento e informou apenas, que a empresa oficializará a resposta até o dia 5 de dezembro. "Já que me deram um novo prazo, vou esperar novamente antes de ajuizar a situação", disse o empresário, que já comunicou a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) da situação. 

Enquanto não obtém de volta os valores perdidos o dono da sorveteria retoma o serviço aos poucos. "Estou comprando tudo novamente. Afinal, não recebi solidariedade de ninguém, meu aluguel venceu e até a Energisa já tem cobrado a conta atrasada", finaliza.

Um dia após o acontecido, no dia (4) de novembro, a assessoria de comunicação da Energisa encaminhou nota ao Midiamax afirmando que queda de um galho na rede de energia elétrica foi responsável pela interrupção do serviços.

Na página da empresa a informação é de que a análise do pedido de ressarcimento ocorrerá dentro dos prazos estabelecidos pela Resolução Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) nº 414/2010 e os  Prodist (Procedimentos de Distribuição de Energia Elétrica no Sistema Elétrico Nacional) , disposto em seu Módulo 9 – Ressarcimento por Danos Elétricos.

De acordo com a assessoria de comunicação da Energisa após a solicitação o pedido de ressarcimento é estudado e tratado entre a equipe responsável e o cliente. As solicitações podem ser feitas por meio do Canal de Atendimento da Energisa: 0800 722 7272.

O Jornal Midiamax indagou a assessoria de imprensa da Energisa sobre o indeferimento informado ao consumidor, mas até o momento não obteve respostas.

(Matéria editada às 11h13 da quarta-feira (23) para acréscimo de informações)

Veja também

Todos os cursos são ofertados gratuitamente.

Últimas notícias