Cotidiano

#EleiçãoNaUFMS: Chapa promete novo estatuto e medidas de segurança

“MUDE” tem Marco Aurélio Stefanes como candidato a reitor

Wendy Tonhati Publicado em 02/08/2016, às 15h53

None
ufms_f2.jpg

“MUDE” tem Marco Aurélio Stefanes como candidato a reitor

Será realizada na próxima quinta-feira (4), a eleição para a reitoria de UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). Estão na disputa, os professores Marco Aurélio Stefanes (Movimento por uma UFMS Diferente e Eficiente – MUDE) e Marcelo Turine (Juntos Somos UFMS), ambos ligados à Facom (Faculdade de Computação). 

Em comum, as chapas também tem candidatas à vice-reitora: Alexandra Ayach Anache pela primeira e Camila Ítavo, pela segunda. O vencedor vai gerir uma receita de R$ 593.027.134, de acordo com o PDI (Plano de Desenvolvimento Institucional).

Entre as propostas da chapa estão o aperfeiçoamento do PDI (Plano de Desenvolvimento Institucional), convocação de uma assembleia estatuinte para a discussão e proposição de um novo estatuto, descentralizar a gestão com mais autonomia aos centros/faculdades/institutos e outras unidades, atuar de forma parceira com a Ebserh (Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares), implantar a reitoria itinerante, políticas de acessibilidade e ações afirmativas, melhorar a segurança patrimonial e institucional.

Com relação ao ensino e a pós-graduação, estão entre as propostas o oferecimento de novos cursos de graduação e pós-graduação, mobilidade entre as unidades da UFMS. Também consta no plano de campanha, a promoção de ações que busquem a livre organização dos estudantes da comunidade acadêmica, buscando articulação com o DCE (Diretório Central dos Estudantes), CA (Centros Acadêmicos) e Associações Atléticas.  (Leia o plano de trabalho na íntegra)

#EleiçãoNaUFMS: Chapa promete novo estatuto e medidas de segurançaMarco Aurélio Stefanes é graduado em Ciência da Computação (1992) e Especialista em Análise de Sistemas (1995) pela UFMS, Mestre em Matemática Aplicada (1998) e Doutor em Ciências da Computação (2003) pela USP. Na graduação atuou no CA, no Coun, e foi Coordenador-Geral do DCE. No mestrado e doutorado (USP) foi representante discente. Foi professor no Ensino Médio (1988-1992), atuou como Analista de Sistemas (1992-1995) e professor no Ensino Superior(Campo Grande e São Paulo). É professor Associado da Facom na graduação e pós-graduação. Foi Chefe de Seção do NTI (2004-2006), Diretor Financeiro da ADUFMS (2014-2016). Membro do Conselho Fiscal da Sicredi União (2010-2016), onde foi coordenador (2013-2016). Implantou e é coordenador do Centro Tecnológico de Eletrônica e Informática. Membro do Coun e da Incubadora PIME.

Alexandra Anache é graduada em Psicologia pela UCDB (1984). Mestre em Educação pela UFMS (1991) e Doutora em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pela USP (1997). Pós-Doutora em Educação pela UnB (2007). Foi professora no Ensino Fundamental e em Instituição Especial (1982-1983). Foi Psicóloga do ISMAC (1985-1988). Ingressou na UFMS em 85 e em 2014 passou a Professora Titular. Foi consultora da Secretaria de Estado na implantação da Política de Educação Especial de MS (1991/1992) e trabalhou com o MEC em ações referentes à Educação de alunos com deficiências nos diferentes níveis de ensino. Ocupou cargos de coordenação de curso e chefe de departamento e participou da implantação do curso de Psicologia na UFMS. Atuou no Programa Saúde Coletiva (1998-2005) e atua na Pós-graduação em Psicologia e Educação.

Jornal Midiamax