Cotidiano

Com reforma que já dura dois meses, banheiros de terminal estão fechados

Leitor denuncia a situação no General Osório  

Midiamax Publicado em 07/09/2016, às 17h54

None
14302514_1112534592160878_1509862574_n.jpg

Leitor denuncia a situação no General Osório

Os terminais de ônibus coletivos da capital estão sendo reformados. Com isso, alterações no funcionamento de alguns serviços ocorrem, e, entre eles, o funcionamento dos sanitários. No terminal General Osório, no entanto, todos os banheiros estão fechados. É o que denuncia um leitor ao jornal Midiamax.

Marcos Roberto tem 42 anos e trabalha como porteiro em condomínio privado. Todos os dias o trabalhador utiliza o terminal General Osório e reclama que há dois meses os banheiros estão fechados. Ele afirma que já procurou a Agetran (Agência municipal de transporte e trânsito) e que, como resposta, ouviu a promessa de resolução do problema. Ainda assim, de acordo com Marcos, a situação continua a mesma.

“Daqui a pouco eu vou pegar o ônibus e vou pro terminal. Os 4 estão fechados, entrei em contato com o pessoal da Agetran ontem e falaram que tinham passado pra resolver e já faz dois meses que estão fechados”, afirma.

Para o porteiro, a situação é um descaso com os trabalhadores. Marcos afirma que sente-se tratado "pior do que um cachorro, já que nem cachorro passa por essa situação". Ele explica que em outro terminal, a equipe de reformas disponibilizou banheiros químicos para a população.

“Ontem eu fui lá no terminal Júlio de Castilho, mas colocaram um banheiro químico e tem um masculino funcionando normal. Só que no General Osório os quatro estão sem funcionar. Isso é um absurdo, a gente está sendo tratado que nem cachorro né, na verdade nem cachorro passa por essa situação. Já vão pra dois meses de reforma, como a gente é passageiro diário a gente precisa. Se colocar dois pra reforma e dois funcionando, ou se colocar um banheiro químico já ajuda”, declarou Marcos.

Agetran

O diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Elidio Pinheiro Filho, explicou que não é normal que todos os banheiros estejam fechados. Questionado sobre a demora nas reformas, ele afirmou que todos os terminais serão reformados e não há um prazo para o término das obras.

“Não tem nada disso não. O que acontece é que vários banheiros estão sendo reformados, vai tempo ainda, porque não é só ali. E olha, se está ocorrendo isso não sei, e não era pra ocorrer, não sei se de repente deixaram material lá dentro e trancaram. Tem o cronograma de obras, não sei de cabeça, tem o cronograma de todos os terminais”, afirmou.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou a denúncia ao WhatsApp do Jornal Midiamax no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem com os jornalistas. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total sigilo garantido pela lei.

Jornal Midiamax