Cotidiano

Aberto processo eleitoral para nomeação de diretores nas escolas estaduais

Eleições abrangem escolas sem dirigentes eleitos 

Midiamax Publicado em 16/03/2016, às 11h53

None
midia.jpg

Eleições abrangem escolas sem dirigentes eleitos 

O governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Educação, abriu processo eletivo de dirigentes escolares da rede estadual de ensino, conforme resolução publicada nesta quarta-feira (16), no Diário Oficial do Estado. A eleição acontece no dia 14 de junho deste ano.

De acordo com a publicação, o processo eletivo abrange apenas as unidades escolares as quais não houve eleição dos cargos de diretor e diretor adjunto. Para participar da nova eleição, os candidatos deverão elaborar e apresentar projeto de gestão à comunidade escolar e campanha eleitoral.

É necessário a realização de curso de capacitação em gestão escolar. Caso o número de inscritos para concorrer às eleições seja superior ao número de vagas no curso, será feita seleção com base na avaliação das competências do candidato.

Conforme resolução, poderão concorrer ao exercício das funções de diretor e de diretor-adjunto, os servidores efetivos ocupantes dos seguintes cargos: professor da carreira profissional da educação básica; gestor de atividades educacionais; assistente de atividades educacionais; agente de atividades educacionais; auxiliar de atividades educacionais da carreira apoio à educação básica e especialista de educação do respectivo quadro de especialista de educação

As candidaturas poderão ocorrer por meio de chapas ou de forma individual, observadas as diretrizes da Secretaria de Estado de Educação. A resolução, com relação das escolas e dos critérios de seleção, pode ser acessada, a partir da página 8 do Diário Oficial.

Jornal Midiamax