Cotidiano

Trote sobre criança desaparecida invade redes sociais em Campo Grande

Desaparecimento aconteceu no Maranhão

Midiamax Publicado em 30/06/2015, às 12h08

None
desaparecida.jpg

Desaparecimento aconteceu no Maranhão

A notícia sobre o desaparecimento de uma menina preocupou usuários das redes sociais nessa segunda-feira (29). A mensagem compartilhada pelo WhatsApp dizia que uma garota havia sido encontrada e estava à procura do pai. A informação rapidamente chegou a vários Estados do país e foi até mesmo considerada como trote.

O texto dizia que a menina estava perdida na Rua Santo Antônio e procurava pelo pai, identificado apenas como Lorival. Por ter sido compartilhada em vários estados, muitos internautas pensaram que se tratava de um novo trote circulando nas redes sociais, no entanto, o fato ocorreu em Trizidela do Vale, no Maranhão, distante 2.589 quilômetros de Campo Grande.

Usuários do WhatsApp desconfiaram da veracidade do fato depois que descobriram que a mensagem já havia circulado em grupos de outros estados, como explica a securitária, Ana Carla Ornelas, de 35 anos. “Meu tio ainda brincou com o fato de onde ela teria se perdido porque a mensagem havia circulado em Cuiabá, Primavera do Leste e também recebi de um amigo em Campo Grande”, relata.  

Pensando que se tratava de um trote, o representante comercial, Alberto Júnior Nogueira, de 38 anos, criticou a difusão de trotes. “Isso é terrível. O ser humano tem tanta criatividade para dar golpes, mas para resolver problemas não existe o mínimo de bom senso”, declarou.

A reportagem do Jornal Midiamax tentou falar por telefone com a Polícia Militar de Trizidela do Vale, no entanto, as ligações não foram atendidas. O desaparecimento foi confirmado por policiais do 16º Batalhão da Polícia Militar de Chapadinha.

Segundo a Polícia Militar, o fato aconteceu no último domingo (28). A menina se perdeu e foi encontrada por moradores da Rua Santo Antônio, que acionaram a polícia. Horas depois, a avó e o tio da garota foram localizados e ela foi entregue à família. 

Jornal Midiamax