Cotidiano

Temendo escalonamento, sindicatos se reúnem e buscam diálogo com Governo

Grupo cogita pedir audiência com Reinaldo

Midiamax Publicado em 24/11/2015, às 21h20

None
sindjus.jpg

Grupo cogita pedir audiência com Reinaldo

Temendo o escalonamento dos salários dos servidores, sindicatos se reuniram na tarde desta terça-feira (24) na sede da Sindjus-MS (Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul). Representantes de sindicatos dos servidores da área da saúde, educação e segurança se juntaram para buscar diálogo com o Governo do Estado.

“Os sindicatos estão recebendo ligações diariamente, os servidores estão apreensivos. Vamos buscar conversa com o Governo, janeiro é o mês mais complicado para pagar as contas”, declarou o presidente da Sindjus-MS, Fabiano Reis de Oliveira.

Muda

Um dia depois de cogitar escalonamento para o pagamento do 13° salário, o governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), disse na tarde desta terça-feira (24) que não será preciso utilizar o mecanismo e deve anunciar no próximo dia 30 as datas em que serão pagos a remuneração extra, além do adiantamento salarial de janeiro de 2016.

O intuito é impulsar o comércio nas vendas de final de ano, que sofrem impacto da crise financeira que afeta o Brasil inteiro.

Já o próximo salário provavelmente será depositado no dia 1° de dezembro, seguindo o rito dos anos passados. “Não há necessidade de escalonamento, vamos fazer de tudo para pagarmos desta forma, assim o comércio ganha também”, disse. No dia 9 de novembro o Governo do Estado pagou o 13° dos aposentados e pensionistas.

Jornal Midiamax