Cotidiano

Mulher passa mal e é atendida no chão em posto de saúde de Campo Grande

Mulher estaria grávida e médico teria apenas olhado atendimento inicial feito por uma enfermeira

Arlindo Florentino Publicado em 02/01/2015, às 12h40

None
interna.jpg

Mulher estaria grávida e médico teria apenas olhado atendimento inicial feito por uma enfermeira

Uma leitora do Jornal Midiamax, que não se identificou, denunciou que na manhã destra sexta-feira (2), quando encontrava-se na Unidade Básica de Saúde do Bairro Coophavila II presenciou uma cena que a deixou indignada. Enquanto esperava atendimento, uma mulher de aproximadamente 30 anos, que estaria grávida começou a passar mal e caiu no chão.

Segundo a mesma fonte, o médico de plantão foi chamado, mas teria apenas observado a cena e deixado atendimento por conta de uma enfermeira. O detalhe é que o atendimento inicial foi feito no chão da unidade de saúde.

“Isto é um descaso. Um verdadeiro absurdo o que está acontecendo”, afirmou a denunciante, inconformada com a situação.

Após receber a denúncia, a reportagem tentou contato, por telefone, com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Campo Grande. Ninguém atendeu às ligações.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Jornal Midiamax

O leitor enviou as informações ao WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do Jornal Midiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax