Cotidiano

Família que morreu em acidente na BR-060 é identificada pela polícia

As vítimas são mãe e dois filhos

Diego Alves Publicado em 24/06/2015, às 01h33

None
sidrolandia_news_0.jpg

As vítimas são mãe e dois filhos

A polícia identificou as vítimas do acidente seguido de um incêndio, ocorrido na tarde desta terça-feira (23), na BR-060 na região do Canta Galo velho em Sidrolândia, 70 quilômetros de Campo Grande.

As vítimas são da mesma família, sendo eles Carla Emanuelle Alves Ferraz, de 34 anos, o filho Joiciely Ferraz Ferreira Bica, 11 anos, que estava com o irmão no colo, o bebê Lucas Gabriel Ferraz Carneiro de quatro meses, também filho de Carla. De acordo com o site Região News, Carla era ex-mulher comandante do 4ª Pelotão da Polícia Militar de Nioaque, tenente Joicemir Ferreira Bica, pai de uma das vitimas; Joiciely Ferraz.

Acidente

O acidente envolveu quatro veículos no trecho que fica entre Nioaque e Sidrolândia. O carro em que eles estavam foi arremessado para dentro de um incêndio às margens da rodovia depois de ser atingido por um caminhão. Os três não conseguiram sair e morreram no local.

Na sequencia, segundo testemunhas, uma Mitsubishi Pajero foi atingida por um caminhão de combustível. No total, ficaram feridos Herbert Lima, de 52 anos, e a esposa, Dayane Cristina Soares Lima, de 28 anos, além de Rosa da Hora Silva, de 46 anos, Jorge Romero Fernandes, de 47 anos, e Jeuzimar Mendes de Araujo, de 30 anos. Todos foram encaminhados para o hospital Dona Elmíria Silvério Barbosa, localizado em Sidrolândia, cidade a 64 quilômetros a sudoeste de Campo Grande.

Jornal Midiamax