Cotidiano

Deficiente visual deve ganhar acessibilidade na hora de usar cartão

A proposta ainda precisa ser apreciada em segunda votação e ganhar o aval do governador

Gerciane Alves Publicado em 06/08/2015, às 19h37

None
marquinhos.jpg

A proposta ainda precisa ser apreciada em segunda votação e ganhar o aval do governador

Com o placar de 17 votos favoráveis e um contrário, a Assembleia Legislativa aprovou, nesta quinta-feira (6), em primeira votação, projeto que garante acessibilidade a deficientes visuais na hora de usar cartões de crédito e débito.

Pela proposta, as empresas produtoras das máquinas deverão adaptar as informações em áudio, aumentar as proteções laterais e inserir teclas em braille.

“A Constituição garante direito básico a informação”, frisou o deputado estadual Marquinhos Trad (PMDB), autor do projeto.

“Hoje em dia, o cidadão não carrega mais dinheiro, nem cheque, o uso de cartões aumenta a cada dia. Nada mais justo do que os deficientes visuais saberem ao certo o número que estão digitando”, completou.

A proposta ainda precisa ser apreciada em segunda votação e ganhar o aval do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). Assim que virar lei, as empresas terão 180 dias para produzir as máquinas adaptadas.

Jornal Midiamax