Cotidiano

Campo Grande selvagem: bombeiros salvam gavião que ficou preso em exaustor

Bombeiros precisaram abrir o exaustor para que animal saísse voando

Midiamax Publicado em 15/04/2015, às 17h14

None
img-20150415-wa0131.jpg

Bombeiros precisaram abrir o exaustor para que animal saísse voando

Um gavião carijó passou um dia preso em um exaustor de ventilação de oficina mecânica em Campo Grande. O Corpo de Bombeiros precisou ir até o local, na Rua Geraldo Agostinho Ramos, no Jardim Paulista, para retirar o animal, que não ficou ferido.

Segundo o dono da loja, Osmar Lachi, de 68 anos, o gavião estava preso desde terça-feira (14). “Ele chegou a sair, mas caiu, viu a luz e voltou para o exaustor. Não chamei ninguém porque achei que depois que acabasse o movimento da loja ele sairia sozinho”.

Osmar voltou à loja nesta quarta-feira (15) e o gavião ainda estava preso com o exaustor girando. Ele acionou a PMA (Polícia Militar Ambiental), que chamou o Corpo de Bombeiros.

Depois de parar o exaustor, que fica a cerca de 4 metros do chão, os militares colocaram uma escada em cima de uma viatura ABT e subiram no telhado da loja para abrir o exaustor e soltar o animal. O gavião saiu voando e seguiu seu rumo.

De acordo com o dono da loja, beija-flores costumam entram no exaustor do mesmo jeito que o gavião. “Mas como são pequenos, saem rápido”.

Jornal Midiamax