Cotidiano

Atropelado em tentativa frustrada de ‘cavalinho de pau’ passa por cirurgia

 Adriano sofreu traumatismo cranioencefálico

Midiamax Publicado em 23/11/2015, às 12h47

None
santa_casa.jpg

 Adriano sofreu traumatismo cranioencefálico

Adriano Araújo da Silva, 21 anos, uma das seis vítimas atropeladas neste domingo por um rapaz de 18 anos e sem CNH (Carteira Nacional de Habilitação) após uma tentativa frustrada de’ cavalinho de pau’ em Miranda, a 203 quilômetros de Campo Grande, passa por cirurgia na Santa Casa de Campo Grande.

De acordo com assessoria do hospital, Adriano sofreu traumatismo cranioencefálico e está nesta manhã no centro cirúrgico.

Acidente

Guilherme Augusto Sanches Casal, 18 anos atropelou seis pessoas depois de perder o controle da direção do carro e subir em uma calçada onde as vítimas estavam na Avenida Tiradentes, em Miranda. Ele estava sem CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

O condutor, que é morador de Anastácio, atingiu as pessoas, sendo quatro homens e duas mulheres entre 18 e 49 anos, ao perdeu o controle do carro enquanto tentava fazer uma manobra perigosa, conhecida como cavalinho de pau.

O suspeito, que dirigia um Chevrolet Prisma, placa HTQ-6401, chegou a ser agredido por populares que testemunharam o acidente, e levaram-no até o quartel da Polícia Militar, que fica próximo ao local. A polícia precisou intervir nas agressões. Guilherme foi levado para a delegacia da Polícia Civil, onde foi atuado por lesão corporal, direção perigosa, e por dirigir sem permissão. Ele pagou multa de R$ 1 mil e foi liberado.

Jornal Midiamax