Cotidiano

Meteorologia alerta a população para geada em MS e frio recorde nesta semana

Os meteorologistas já estão informando a população de Mato Grosso do Sul para se prepararem para enfrentar o frio recorde nesta semana. Além de queda de temperaturas, estão previstas geadas, baixa sensação térmica e redução da umidade relativa do ar. Os índices devem atingir os extremos na quarta-feira (24). De acordo com a meteorologista, Cátia […]

Arquivo Publicado em 22/07/2013, às 13h21

None
1220386700.jpg

Os meteorologistas já estão informando a população de Mato Grosso do Sul para se prepararem para enfrentar o frio recorde nesta semana. Além de queda de temperaturas, estão previstas geadas, baixa sensação térmica e redução da umidade relativa do ar. Os índices devem atingir os extremos na quarta-feira (24).

De acordo com a meteorologista, Cátia Braga, a tendência será alcançar índices semelhantes do ano de 1975, quando a região sul do Estado atingiu temperaturas negativas recordes e Campo Grande registrou em torno de 2,5°C, com sensação térmica negativa.

De acordo com o Cemtec (Centro de Monitoramento de Tempo do Clima e dos Recursos Hídricos de MS), a temperatura nesta segunda-feira (22) atingiu a mínima de 8°C nesta manhã, com a sensação térmica de menos 2°C (negativo) querendo alcançar menos 3°C (negativo).

Rogério Silva, de 40 anos, contou que se agasalhou bem para poder ir trabalhar. “Já estou sofrendo com o frio. Moto e frio não combinam, mas temos que enfrentar”, destaca.

Já no sul do Estado, de acordo com a meteorologista Cátia Braga, a cidade de Ponta Porã registrou hoje a temperatura mínima de 3,7°C, com sensação de – 8°C (negativo). Além disso, a tendência é reduzir a umidade relativa do ar em todo o Estado, registrando nesta segunda em torno de 40% na Capital.

O assistente administrativo, Caio Cassio, de 23 anos, contou que já se assustou com a queda nas temperaturas. “Estou atrasado para o trabalho, esse tempo dá preguiça. O bom do frio é que podemos retirar as roupas novas do armário”, disse rindo ao explicar que está se preparando para o frio recorde.

A meteorologista explicou que a sensação térmica varia em razão da intensidade dos ventos. “As pessoas devem se preparar. A primeira geada do ano está prevista para a manhã de quarta-feira. Teremos temperaturas bem baixas na região norte e bolsão, com mínimas de 8°C a 10°C. Em Campo Grande de 4°c a 5°C e, certamente, a sensação térmica será negativa”, explicou.

Para quarta-feira, Campo Grande deve registrar umidade relativa do ar em torno de 30%. A região sul do Estado, no geral, registrará temperaturas negativas de -2°C (negativo), com sensações bem inferiores.

Jornal Midiamax