Cotidiano

Durante revista, polícia encontra buraco em cadeia de Nova Andradina

Na tarde desta quarta-feira (19), a equipe da Força Tática da Polícia Militar de Nova Andradina e agentes da Polícia Civil de Nova Andradina, Taquarussu e Batayporã, realizaram uma operação denominada “bate grades”, a fim de encontrar objetos, celulares e entorpecentes dentro das celas da cadeia pública de Nova Andradina. Durante as revistas no interior […]

Arquivo Publicado em 20/12/2012, às 14h00

None

Na tarde desta quarta-feira (19), a equipe da Força Tática da Polícia Militar de Nova Andradina e agentes da Polícia Civil de Nova Andradina, Taquarussu e Batayporã, realizaram uma operação denominada “bate grades”, a fim de encontrar objetos, celulares e entorpecentes dentro das celas da cadeia pública de Nova Andradina.


Durante as revistas no interior das celas, onde estão custodiadas mulheres e presos chamado seguro, que são aqueles de cometem crime contra mulheres, estupros e pensão alimentícia – os policiais encontraram uma passagem entre as celas.


O buraco estava tapado com um madeirit na cor da parede para enganar uma possível fiscalização, o buraco tem aproximadamente uns 50 centímetros e segundo a polícia passa uma pessoa tranquilamente, outro buraco menor também foi encontrado pela polícia.


As duas celas que davam acesso ao buraco, uma é de homens e outra de mulheres, ou seja, eles tinham passagem livre entre as duas celas.


As duas celas que estão separadas do anexo da cadeia pública onde abriga mais de 85 presos, em uma das celas tinha 03 mulheres presas, que foram transferidas para outra cela especial que abriga os menores quando são apreendidos, já os homens que são 12 presos, permanecerão nas celas e já foi providenciado para tapar o buraco executado pelos presos.


Alguns apetrechos artesanais foram apreendidos, o Núcleo de Perícias colheu dados para investigar o caso.

Jornal Midiamax