Cotidiano

Dengue na Capital já passa de mais de 25 mil notificações; nos bairros, Aero Rancho lidera

A epidemia de dengue mais letal da história de Campo Grande já passa de mais de 25 mil notificações e, somente neste ano, sete mortes já foram confirmadas, enquanto outros seis óbitos estão sob investigação. Na Capital, o bairro que tem mais notificações é o Aero Rancho com 1527. Segundo informações da Sesau (Secretaria Municipal […]

Arquivo Publicado em 23/03/2010, às 21h23

None

A epidemia de dengue mais letal da história de Campo Grande já passa de mais de 25 mil notificações e, somente neste ano, sete mortes já foram confirmadas, enquanto outros seis óbitos estão sob investigação. Na Capital, o bairro que tem mais notificações é o Aero Rancho com 1527.

Segundo informações da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde Pública), o número de notificações da doença já chega a 25350, sendo que desse total, em março, foram 6.383 notificações, enquanto fevereiro teve 11.791 e janeiro ficou com 7.176.

Através dos dados, percebe-se que a Capital está caminhando a passos largos para superar o número de notificações de 2007, quando o número girou em torno de 45 mil.

Se no número de notificações a epidemia desse ano não superou a de três anos atrás, já quando se fala em mortes essa é a epidemia de dengue mais letal da história de Campo Grande. Em 2007, foram duas mortes, enquanto que neste ano já foram sete óbitos, número que pode aumentar já que outros seis óbitos estão em sob investigação.

Quando se volta os olhos para os bairros, o bairro que é o principal responsável pelas notificações é o Aero Rancho com 1527 notificações, em segundo lugar vem a região das Moreninhas com 1146 e, depois, vem o Coophavilla II com 988.

Jornal Midiamax