Brasil

Anão levantado por Bolsonaro é vereador e nega ter sido confundido com criança

Um vereador de Itabaianinha, cidade na região do Vale do Rio Real, no interior do Sergipe, ganhou fama após aparecer nos braços de Jair Bolsonaro em vídeo gravado durante sua passagem por Aracaju. O político, que tem nanismo, se chama José Eraldo de Jesus Santana. Conhecido como Zé Miúdo, apelido reconhecido na cidade e que […]

Renata Fontoura Publicado em 23/08/2020, às 10h53

O vídeo viralizou nas redes sociais. (Foto: Reprodução / Twitter)
O vídeo viralizou nas redes sociais. (Foto: Reprodução / Twitter) - O vídeo viralizou nas redes sociais. (Foto: Reprodução / Twitter)

Um vereador de Itabaianinha, cidade na região do Vale do Rio Real, no interior do Sergipe, ganhou fama após aparecer nos braços de Jair Bolsonaro em vídeo gravado durante sua passagem por Aracaju.

O político, que tem nanismo, se chama José Eraldo de Jesus Santana. Conhecido como Zé Miúdo, apelido reconhecido na cidade e que foi usado por ele na campanha para a Câmara dos Vereadores de 2016. Na eleição, o vereador garantiu 528 votos, ficando em 11º na corrida pelas 13 vagas da câmara municipal.

“Não tem problema nenhum me chamar de Zé Miúdo Anão, até gosto. Se falar Zé Eraldo, ninguém sabe quem é”, declarou para o portal de notícia Metrópoles.

Muitos internautas apontaram que Bolsonaro teria o confundido com uma criança ao pegá-lo no colo. Na realidade, o presidente sabia que era o vereador em seus braços. E essa não foi a primeira vez que “brinca” com anões.

Bolsonaro tem entre seus vídeos postados no Facebook a filmagem de um evento em que chama dois anões, faz piadas e levanta um deles. Foi em Vitória da Conquista, na Bahia, em julho do ano passado.

Jornal Midiamax