Brasil

Motorista que atropelou e matou idosa de Porsche é solto pela Justiça em SP

Por determinação do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), Fábio Alonso de Carvalho foi liberado da prisão nesta quarta-feira (31) após decisão ter sido favorável em relação ao habeas corpus apresentado por sua defesa. O empresário é acusado de ter atropelado e matado uma idosa na última sexta-feira (26) na Rua Augusta, região central […]

Vinícius Costa Publicado em 01/08/2019, às 10h52 - Atualizado às 11h40

(Divulgação/Polícia Civil de SP)
(Divulgação/Polícia Civil de SP) - (Divulgação/Polícia Civil de SP)

Por determinação do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo), Fábio Alonso de Carvalho foi liberado da prisão nesta quarta-feira (31) após decisão ter sido favorável em relação ao habeas corpus apresentado por sua defesa. O empresário é acusado de ter atropelado e matado uma idosa na última sexta-feira (26) na Rua Augusta, região central da capital paulistana.

Fábio estava preso desde da última segunda-feira (29). Ele é proprietário do veículo Porsche Panamera que esteve envolvido no acidente. De acordo com a decisão do desembargador Reinaldo Cintra, a “prisão não é imprescindível para as investigações, que não existem elementos suficientes para reputar a possível prática de homicídio doloso, bem como que a decisão ora desafiada está baseada em elementos inidôneos”.

No entanto, a Justiça afirma que tanto o Ministério Público quanto a polícia podem pedir a prisão preventiva de Carvalho. “A presente decisão não impede eventual pedido de prisão preventiva, caso assim seja entendido pelo Ministério Público ou pela autoridade policial”.

A morte

No dia do acidente, na última sexta (26), a idosa Audenilce Bernardina dos Santos, de 65 anos estava indo para o trabalho quando foi atropelada pelo Porsche. Segundo testemunhas, o empresário que estava no volante não havia parado para prestar socorro no local.

O carro foi apreendido no mesmo dia e seguiu para a perícia que posteriormente, pediria a prisão temporária de Fábio Alonso de Carvalho. Porém, o suspeito de atropelar a mulher só se apresentou à polícia na última segunda-feira (29).

Jornal Midiamax