Brasil

Mulher mata vizinha a facadas por causa de vaga de emprego em São Paulo

Duas irmãs da vítima também foram esfaqueadas

Guilherme Cavalcante Publicado em 15/01/2018, às 00h26

None

Duas irmãs da vítima também foram esfaqueadas

Uma briga entre vizinhas terminou em tragédia, na noite desse sábado (13), em Santos, no Litoral de São Paulo. Inconformada por não ter conseguido o emprego de Érica Oliveira da Silva, 24 anos, a suspeita desferiu golpes de faca e matou a vítima. Duas irmãs da jovem ainda também foram atingidas. Ninguém foi preso até o momento.

“Ela estava desempregada e queria a vaga da minha irmã. Sempre que a Érica passava, elas se provocavam. Isso acontecia todos os dias”, explicou, em entrevista ao G1, a irmã da vítima Rafaela Oliveira da Silva, acrescentando que Érica era assistente administrativa em uma empresa de concreto no bairro Monte Cabrão.

Momentos antes do crime, Érica, Rafaela e outras duas irmãs voltavam pra casa, quando foram abordadas pela autora do crime, identificada como Angélica da Cruz. “Eu não lembro o que foi que ela disse, mas sei que ela gritou algo e minha irmã começou a retrucar. Elas começaram um bate-boca e o pai, o irmão e o marido da agressora saíram para ajudar”, relembrou Rafaela.

Mulher mata vizinha a facadas por causa de vaga de emprego em São Paulo

Daniele Alves de Oliveira, 27, com ferimentos no pulmão e intestino, e Débora Oliveira da Silva, 32, as duas irmãs que também foram atingidas, foram encaminhadas ao hospital. Érica já chegou sem vida à unidade de saúde. A Polícia Civil realiza diligências neste domingo (14) para tentar localizar Angélica.

Jornal Midiamax