Brasil

Após quatro dias foragido ‘Dr. Bumbum’ é preso no RJ

Denis Cesar Barros Furtado, conhecido como “Dr. Bumbum”, e a mãe, Maria de Fátima Furtado, foram presos nesta quinta-feira (19) pelo 31° Batalhão da Polícia Militar, em um centro empresarial na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. A dupla estava foragida desde domingo (15), após serem indicados como responsáveis pela morte de Lilian Calixto, […]

Egina Becker Publicado em 19/07/2018, às 15h11 - Atualizado às 15h12

None

Denis Cesar Barros Furtado, conhecido como “Dr. Bumbum”, e a mãe, Maria de Fátima Furtado, foram presos nesta quinta-feira (19) pelo 31° Batalhão da Polícia Militar, em um centro empresarial na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

A dupla estava foragida desde domingo (15), após serem indicados como responsáveis pela morte de Lilian Calixto, paciente de Denis, que morreu por complicações cirúrgicas realizadas pelo médico.

Após o setor de inteligência da polícia oferecer recompensa de R$ 1 mil por informações, ligações no Disque Denúncia indicaram o paradeiro do médico e da mãe.

Ainda no domingo, a 16ª Delegacia de Polícia da Barra da Tijura, já havia tentado prender o médico, mas ele conseguiu fugir ao destruir a cancela do estacionamento do Shopping em que estava quando recebeu voz de prisão.

O caso

Lilian, de 46 anos, procurou Denis Cesar para realizar um procedimento estético para aumentar o bumbum. Segundo informações, Denis teria realizado a cirurgia de forma ilegal, na cobertura do seu apartamento na Barra da Tijuca.

A mulher, que saiu de Cuiabá para encontrar o médico no Rio de Janeiro, teve complicações e precisou ser socorrida e encaminhada ao hospital Barra D’Or. Contudo, pelo estado grave em que chegou ao hospital, acabou morrendo na madrugada do último domingo (15).

A Polícia do RJ informou que Denis e a namorada, Renata, chegaram a acompanhar Lilian até o hospital, mas após saber da morte da paciente, deixaram o local. Quando Renata procurou o rapaz que levou Lilian para o apartamento, onde o procedimento fio feito, para devolver seus pertences, acabou sendo presa, mas Denis conseguiu fugir.

Jornal Midiamax