Brasil

Projeto que obriga vítima de estupro a ver imagem do feto será vetado

Governador do DF garantiu veto total a projeto

Joaquim Padilha Publicado em 04/07/2017, às 14h45

None

Governador do DF garantiu veto total a projeto

O governador do Distrito Federal, Rodrigo Rollemberg (PSB), afirmou em sua conta no Twitter que irá vetar totalmente o projeto de lei que obriga mulheres vítimas de estupro que optem pelo aborto do feto a serem submetidas a vídeos e imagens do desenvolvimento do feto.

“Vetarei integralmente o projeto de Lei que obrigaria profissionais da saúde a mostrar imagens do veto às gestantes vítimas de estupro”, disse Rollemberg em uma publicação.

“Respeito os direitos das mulheres, sou solidário às suas lutas e ao combate a qualquer tipo de violência, inclusive aquela que vem em forma de lei”, finalizou o governador, em outro tweet.

O projeto de lei data de 2013 e foi apresentado pela deputada Celina Leão (PPS). A proposta foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Distrito Federal no último dia 22.Projeto que obriga vítima de estupro a ver imagem do feto será vetado

Pelo projeto, profissionais de saúde seriam  orientados a mostrarem “ilustrações sobre a formação física do feto, mês a mês, bem como sua extração”, além de apresentar programas de adoção para recém-nascidos e informar sobre “possíveis efeitos físicos e psíquicos” que o aborto pode provocar.

Jornal Midiamax