Brasil

Família faz campanha para trazer brasileiro morto na fronteira dos EUA

Causa da morte de mineiro é desconhecida

Joaquim Padilha Publicado em 23/06/2017, às 11h48

None

Causa da morte de mineiro é desconhecida

Morto em circunstâncias ainda a esclarecer, o minteiro Lucas Batista Passos, 30 anos, não foi esquecido pela família. Desde o dia 12 de junho, quando seu corpo foi encontrado na fronteira entre México e Estados Unidos, sua família tenta trazer seu corpo de volta para o Brasil.

Lucas morreu enquanto tentava entrar nos EUA como imigrante ilegal. Seu corpo foi encontrado em uma pedreira no condado de Starr, no Estado do Texas. Policiais acreditam que ele tenha sido deixado para trás por grupos de imigrantes ilegais, e morreu no caminho.

No último contato com a família, Lucas avisou que iria desligar seu celular e retirar a bateria do aparelho, a pedido do chefe do grupo de imigrantes ilegais, para que não fossem rastreados.

O brasileiro seguia até a cidade de Charlotte, na Carolina do Norte. Ele havia deixado o Brasil desde março, e no México havia passado pelas cidades de Reynosa e Dias Ordaz.Família faz campanha para trazer brasileiro morto na fronteira dos EUA

Para trazer o corpo do mineiro para o Brasil, a família tenta arrecadar US$ 12 mil em uma campanha na internet. Até o início desta sexta-feira (23), os familiares de Lucas só tinham conseguido R$ 435.

O Ministério das Relações Exteriores informa que vem dando assistência à família do brasileiro, no entanto, a forma como essa ajuda vem sendo oferecida não foi divulgada.

(com supervisão de Evelin Cáceres)

Jornal Midiamax