Brasil

Bovespa amplia queda após Maia anunciar votação da reforma da Previdência em 2018

Na véspera, Ibovespa caiu 1,22%, a 72.914 pontos

Aliny Mary Dias Publicado em 14/12/2017, às 16h58

None

Na véspera, Ibovespa caiu 1,22%, a 72.914 pontos

O principal índice da bolsa paulista ampliou a queda nesta quinta-feira (14) após o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), anunciar que a votação da reforma da Previdência ficará para fevereiro de 2018.

Às 14h22, o Ibovespa caía 0,74%, a 72.372 pontos. Na véspera, Ibovespa caiu 1,22%, a 72.914 pontos.

A queda, no entanto, não é acentuada, pois o adiamento da votação já era esperado pelo mernado. “Apesar deste pontapé inicial (a leitura da proposta), está claro que a votação da reforma ficará para o ano que vem, embora isto não tenha sido confirmado, ainda, pelo Planalto”, escreveram analistas da corretora Guide Investimentos, mais cedo.

Jornal Midiamax