Brasil

Bombeiros do DF são infectados durante treinamento em caverna

Pelo menos doze pessoas

Ana Paula Chuva Publicado em 09/06/2017, às 20h01

None

Pelo menos doze pessoas

Os bombeiros que participaram de um curso de resgate em uma caverna na Chapada Imperial, em Brazlândia, no Distrito Federal, estão internados com suspeita de histoplasmose – infecção causada pela inalação de esporos de um fungo que é encontrado em fezes de pássaros e de morcegos.

O treinamento foi há cerca de três semanas, mas só agora os sintomas da doença começaram a seBombeiros do DF são infectados durante treinamento em caverna

“Como a doença se manifesta somente após algumas semanas, só agora alguns militares começaram a perceber os sintomas.”

Segundo a corporação, pelo menos 12 pessoas, entre alunos e instrutores, apresentaram dores de cabeça e febre persistente. Todos estão sendo atendidos no Hospital Maria Auxiliadora, uma instituição privada na região do Gama.

Os bombeiros disseram que, durante a preparação do teste, os instrutores não perceberam a quantidade de morcegos que havia no local. Durante o treinamento, participaram alunos, instrutores, médicos dos bombeiros e seguranças. O número de pessoas, ao todo, que esteve na caverna não foi divulgado pelos militares até a publicação desta reportagem.

A corporação disse ainda que a Vigilância Epidemiológica e a Vigilância Sanitária da Secretaria de Saúde foram acionadas para acompanhamento e confirmação do diagnóstico inicial. 

Jornal Midiamax