Simone Biles e 90 atletas processam FBI e pedem R$ 4,8 bilhões por erros em caso de abuso sexual 

10/06/2022 -
14:45

Um grupo de cerca de 90 ginastas olímpicas americanas, incluindo a medalhista de ouro Simone Biles, processam o FBI, a agência americana de investigação, em mais de US$ 1 bilhão (R$ 4,89 bilhões) por falhas no caso de assédio do então médico esportivo Larry Nassar, condenado por abuso sexual de mais de 150 jovens e adolescentes. A informação foi divulgada pelos advogados das atletas nesta quarta-feira. Eles destacam que os agentes sabiam, em 2015, que Nassar foi acusado de molestar ginastas, mas não tomaram medidas. Com isso, ele continuou a praticar o assédio sexual contra mulheres e meninas por mais de um ano.

Nassar foi condenado a 360 anos de prisão em fevereiro de 2018, mas já vinha cumprindo pena de 60 anos de prisão por possuir materiais de pornografia infantil após ser julgado em dezembro de 2017. Ele trabalhou para a Federação de Ginástica dos EUA por cerca de três décadas.

63F66CA8 1CC3 4B87 8F44 98D4A9969BF6 - Simone Biles e 90 atletas processam FBI e pedem R$ 4,8 bilhões por erros em caso de abuso sexual 
Foto : Reprodução



Veja também