Divulgação

Príncipe herdeiro saudita revela planos da megalópole futurista NEOM 

05/08/2022 -
10:15
Divulgação

A futurista megalópole se estenderá por 170 quilômetros e abrigará dois arranha-céus cobertos de espelhos, segundo novos planos revelados pelo príncipe herdeiro Mohamed Bin Salman, que não deixou dúvidas sobre a viabilidade econômica e ambiental do projeto.
Chamados de "The Line", os dois enormes arranha-céus paralelos de 500 metros de altura formarão o centro da cidade sobre o Mar Vermelho, um projeto emblemático de várias centenas de bilhões de dólares de Mohamed Bin Salman, líder de fato do país, que busca diversificar a economia do reino do petróleo.

Com seus táxis voadores e robôs domésticos, NEOM deu muito o que falar desde seu primeiro anúncio em 2017, embora arquitetos e economistas questionem sua viabilidade. Inicialmente, NEOM se autodenominava um "Vale do Silício" regional, um centro de biotecnologia e de tecnologia digital com 26.500 quilômetros quadrados.
Mas na apresentação do "The Line" na noite de segunda-feira, o príncipe esboçou uma visão mais ambiciosa, descrevendo uma cidade utópica sem carros, a mais habitável "em todo planeta".
A ideia é repensar a vida urbana em uma área de apenas 34 quilômetros quadrados e responder à "crise de habitação e ambiental".

Fotos : NEOM/Divulgação



Veja também