Apesar da recomendação, Al-Khater afirmou que todos os torcedores são bem-vindos ao país.