Le Blog Maria Antonia

Quem é Sheikha Mozah bint Nasser?

Sheikha Mozah – It girl do Qatar

Le Blog Maria Antonia Publicado em 15/10/2021, às 10h00

None
Foto: Reprodução

A ex-Sheikha é presidente da Qatar Foundation para a Educação, Ciência e Desenvolvimento Social e também embaixadora especial da UNESCO para Educação. A bela é dona da Harrods, Valentino, Balmain e de uma fortuna de 20 bilhões de dólares. Com 61 anos, Sheikha Mozah é uma das mulheres mais ricas do mundo e uma das mais influentes do Oriente Médio.

Fotos: Reprodução 


Formada em sociologia, com vários diplomas de universidades estrangeiras. Ela é dona do edifício da embaixada dos EUA em Grosvenor Square, em Londres, de parte do mercado de Camden, também na capital britânica, de metade de um dos blocos de apartamentos mais caros do mundo em One Hyde Park, 8% da Bolsa de valores de Londres, um percentual do Barclays e da Sainsbury's. Ela também é dona da Harrods e do Ritz London.

Sheikha Mozah tem um gosto especial por moda e, por isso, comprou a Valentino e Balmain. Ela também possui os seguintes hotéis em Paris: The Peninsula, Royal Monceau Raffles, Grand InterContinental e Buddha Bar Hotel.

Fotos: Reprodução 

Mozah bint Nasser regularmente aparece na lista de mulheres mais bem vestidas do mundo. É um ícone de estilo que mostra ser possível ser elegante nas mais diversas ocasiões. Mãe de sete filhos, mantém a silhueta intacta, uma aparência sofisticada e um senso de moda invejável. Não é à toa que é considerada uma das mulheres mais influentes e poderosas da atualidade.

Graças a sua influência, o atual emir do Qatar, Tamim bin Hammad Al-Thani, filho da Sheikha, herdou o trono apesar de não ser o filho mais velho do antigo emir, contrariando os costumes. Hoje, ele governa o país e é o monarca mais jovem do mundo. A modernização do Catar e os avanços em relação ao mundo ocidental também são considerados obras da Sheikha Mozah.

Fotos: Reprodução 


Ou seja, em pleno Oriente Médio, onde as mulheres árabes dificilmente são encontradas com os cabelos descobertos e em alguns lugares são até proibidas de dirigir automóveis ou recitar o Corão; e só têm permissão para estudar em escolas feministas, a bela é divorciada e tem um papel de autoridade política. Ela foi considerada durante anos a primeira-dama do país e uma das mulheres mais poderosas do mundo árabe, algo que foi reconhecido até mesmo pela revista Forbes.

Jornal Midiamax