Le Blog Maria Antonia

Livraria São José, a mais antiga do Rio, fecha definitivamente as portas

Livraria São José, a mais antiga do Rio, sobreviveu à ditadura e à especulação imobiliária, mas não à pandemia.

Maria Antonia Naegele Publicado em 15/04/2021, às 12h16

None
Foto: Reprodução
Com o fim do negócio, deixa o ofício o mais antigo livreiro do Rio, José Germano, que começou como faxineiro e chegou a dono. Hoje com 83 anos, Germano começou a trabalhar na loja aos 12, como faxineiro e entregador, e virou proprietário. Com quase 70 anos de livraria, enfrentou nos últimos anos uma dura redução das vendas, que caíram a zero em meio às restrições impostas pela crise sanitária.
Ele mesmo é um sobrevivente, pois passou 39 dias neste início de ano internado com 70% dos pulmões comprometidos pela covid-19, 11 deles em um leito de UTI.
Enquanto Germano se recuperava, coube à filha vender o acervo restante e entregar a sala da Rua da Quitanda, pondo fim à  história de 85 anos da Livraria São José.
Jornal Midiamax