Le Blog Maria Antonia

Segundo maior diamante da história ganhará marca Louis Vuitton.

Ele brilha intensamente. A Louis Vuitton colocou as mãos em um diamante bruto de 1.758 quilates, extraído de uma mina no Botswana na primavera passada, que apresentará em Paris na próxima semana. A Lucara Diamond, que encontrou o diamante Sewelo em sua mina de Botsuana no ano passado, disse que fechou um acordo com a […]

Maria Antonia Naegele Publicado em 22/01/2020, às 17h37

Foto : Divulgação
Foto : Divulgação - Foto : Divulgação

Ele brilha intensamente. A Louis Vuitton colocou as mãos em um diamante bruto de 1.758 quilates, extraído de uma mina no Botswana na primavera passada, que apresentará em Paris na próxima semana.

A Lucara Diamond, que encontrou o diamante Sewelo em sua mina de Botsuana no ano passado, disse que fechou um acordo com a marca de luxo e com a HB Company, fabricante de diamantes de Antuérpia. Não se sabe o valor dos diamantes polidos. A Lucara disse anteriormente que o Sewelo não era um tipo de diamante que produz as joias mais valiosas. A Lucara receberá uma comissão inicial “não material” e será dona de 50% dos diamantes polidos do Sewelo, que significa “descoberta rara” em Tswana, um idioma falado em Botsuana, e é aproximadamente do tamanho de uma bola de tênis.

A Louis Vuitton tem apostado em jóias sofisticadas desde a abertura de uma loja em Place Vendôme, em Paris, e da contratação de uma nova designer de jóias, Francesca Amfitheatrof.

Segundo maior diamante da história ganhará marca Louis Vuitton.
Foto : Divulgação
Jornal Midiamax